O terrorismo de Barcelona e a tragédia brasileira – Por: Valacir Gonçalves

Olhando a justa repercussão da tragédia acontecida em Barcelona, quando terroristas cometeram mais um crime abominável ferindo e matando pessoas inocentes, dou-me conta do tamanho da tragédia que vivemos atualmente no Brasil. Como todos, estou consternado, minha solidariedade as vítimas de terrorismo em todas as partes do mundo, mas a tragédia brasileira precisa ser denunciada também.

Todo dia dezenas de pessoas são assassinadas sem piedade em todas as nossas cidades. Cidadãos são brutalizados e até mortos pelo simples fato de possuírem um carro, um miserável celular… Ninguém é poupado – pobres, ricos, homens, e até mulheres em companhia dos filhos são humilhadas em saída de colégios. Muitos agradecem a Deus por não terem morrido, falam até em “sorte” como disseram pra mim num dia que prefiro esquecer.

Não vai adiantar nada a minha indignação, a nossa tragédia virou rotina, faz parte chegam a dizer alguns, mas está passando da hora dessa coisa parar. Quero meu país de volta, quero ter uma vida normal. Quero trabalhar, me divertir, andar de dia e de noite em todos os lugares sem o terror como companheiro, isso não pode acontecer como se fosse uma determinação histórica.

Chega de corrupção, chega de vagabundos distribuírem entre eles os impostos cada vez mais altos que arrancam do nosso suado orçamento. O dinheiro de um país rico como o Brasil precisa ser distribuído com justiça. A ralé insensível e descarada que nos infelicita precisa entender que não somos vassalos de ninguém. Nesta semana a imprensa mostrou um deles que recebeu quinhentos mil reais de salário num único mês. Indagado, o mesmo disse que merece o pagamento, que não está nem aí…

Realmente, ele não está nem aí, mas nós estamos aqui, cansados de bancar canalhas como ele. As castas que se apossaram do país precisam entender – de uma vez por todas – que ninguém aguenta mais. A história devia ter ensinado a eles que isso já aconteceu em outras eras. O resultado é conhecido: teve gente que perdeu o pescoço, cortado nas guilhotinas da vida com as cabeças rolando pro lixo da história.

Amém

 

e-mail vala1@uol.com.br

blog www.valacir.com

Temas .

 


Deseja comentar esta notícia? Autentique-se para postar um comentário. Efetue seu login aqui »

Ir para o topo da páginaIr para o topo da página