Nota de Pesar pela Morte do Policial Civil LEANDRO LOPES | SINPEF RS
 

Nota de Pesar pela Morte do Policial Civil LEANDRO LOPES

 

Os Policiais Federais, neste ato representados pelo Sindicato dos Policias Federais do Rio Grande do Sul, diante da brutal morte do Inspetor de Polícia LEANDRO DE OLIVEIRA LOPES, durante operação realizada na manhã de hoje em Pareci Novo/RS, vêm a público prestar absoluta solidariedade à família Policial Civil gaúcha, enaltecendo, sobretudo, a bravura e o denodo do jovem policial que tombou em pleno exercício de seu dever profissional.

Não cabe a nós, neste momento de dor e de indignação, falar acerca das peculiaridades da fatídica ação que resultou na trágica morte do policial, entretanto, somos obrigados a registrar a nossa insatisfação com a forma com que o crime e os criminosos têm sido tratados pelo sistema de Justiça Criminal brasileiro, que contam com a certeza da impunidade e a complacência legal para seguirem atingindo seus desideratos do mal.

Exaltar a coragem e o heroísmo dos policiais será em vão se a sociedade e o sistema como um todo continuarem tratando bandidos como cidadãos.

Num quadro de crescente violência, é dever de todos dar as mãos na busca da paz e da justiça social.

O policial precisa saber que o delinquente preso hoje não estará nas ruas cometendo novos crimes amanhã ou depois de amanhã. O policial, preocupado com a legalidade de suas ações e com o resultado delas, precisa contar com o amparo legal para poder bem cumprir seu dever.

Lamentamos por mais uma vida perdida, por mais uma família quebrada e por mais um infame ataque à sociedade, pois quando um policial morre em serviço a sociedade também é atingida.

Nossa solidariedade e nosso respeito àqueles que bravamente atuam para salvar e preservar vidas, mesmo que à custa de sua própria existência.

 

Porto Alegre/RS, 02 de maio de 2018.

 

UBIRATAN ANTUNES SANDERSON

Presidente do Sindicato dos Policias Federais do RS – SINPEF/RS

Temas , , .

 


Deseja comentar esta notícia? Autentique-se para postar um comentário. Efetue seu login aqui »

Ir para o topo da páginaIr para o topo da página