RS: Entidades representativas de servidores policiais promovem reunião para tratar sobre a possibilidade do fim da aposentadoria policial

 

Preocupadas com a possibilidade do fim da aposentadoria policial, as entidades representativas de servidores policiais do Rio Grande do Sul estiveram reunidas na tarde de hoje, 07.11, na sede do Sindicato dos Policiais Federais do RS. Além do presidente do SINPEF/RS, o deputado federal eleito Ubiratan Sanderson, estiveram presentes o presidente da UGEIRM-Sindicato, Isaac Ortiz, o vice-presidente do SINPRF/RS, Venito Osmar Vergues, e do presidente do SINPOL-RS, Emerson Lopes Ayres.

Os representantes sindicais foram unânimes no sentido da necessidade de garantia da manutenção da aposentadoria policial, com direito à paridade, à integralidade e aos direitos adquiridos a todos os policiais, em razão das especificidades da atividade, além da importância do estabelecimento de regras de transição justas e idôneas.

O presidente do SINPEF/RS, Ubiratan Sanderson, destaca que “em nenhum país do mundo trabalhadores expostos a “risco de morte”, como os policiais, precisam trabalhar até os 65 anos de idade. A expectativa de vida dos policiais brasileiros é de 59 anos, enquanto a da população em geral é de 74 anos. Só em 2015, foram 490 policiais assassinados no Brasil, sem considerar o preocupante número de suicídios, de mortes por estresse profissional e de perdas por acidente em ações policiais”.

 

Temas , .

 


Deseja comentar esta notícia? Autentique-se para postar um comentário. Efetue seu login aqui »

Ir para o topo da páginaIr para o topo da página